quinta-feira, 26 de junho de 2014

Brasília

Brasília

Hoje dedicarei este artigo ao local do último jogo da fase de grupos de Portugal, Brasília. Espero que este seja o palco do local que nos irá levar à próxima fase, apesar de difícil acredito que os milagres podem acontecer.

Brasília, é a capital do Brasil desde 1960, quando as autoridades brasileiras abandonaram o Rio de Janeiro e se mudaram para um local, no meio do nada mas também no meio do Brasil. Esta é uma cidade futurista, utópica que se tornou numa referência mundial, a cidade do séc. XX, tendo sido considerada Património Histórico e Cultural da Humanidade.
Aqui encontramos uma quantidade ínfima de monumentos, palácios, esculturas, espelhos de água e parques. Muitas destas atracções são obras do arquitecto Oscar Niemeyer.

Brasília
Existem determinados locais que têm que ser visitados por quem passa por Brasília. Um desses locais é a Catedral Metropolitana, que foi o primeiro monumento a ser construído em Brasília. Foi projectada pelo arquitecto Oscar Niemeyer em 1958.

Catedral Metropolitana
Outro local a visitar é o Palácio da Alvorada, a residência oficial  da Presidente da República, que também foi projectada por Oscar Niemeyer. Este é um dos ícones da arquitectura moderna brasileira.

Palácio da Alvorada
Quem visita Brasília não pode deixar de ir ao Templo da Boa Vontade, inaugurado em 1989, sendo o monumento mais visitado de Brasília. Foi escolhido pela FIFA como roteiro oficial do Mundial de 2014.

Templo da Boa Vontade
Esta é uma cidade que facilmente impressiona quem lá passa, e um dos locais com maior imponência é a a Praça dos Três Poderes, que é um espaço amplo e não tradicional, contemplando três edifícios monumentais e que representam os três poderes da República: o Palácio do Planalto (Executivo), o Supremo Tribunal Federal (Judiciário) e o Congresso Nacional (Legislativo), todos eles obra do famoso arquitecto já referenciado anteriormente. 
- Palácio do Planalto - faz parte do projecto do Plano Piloto da cidade, tendo sido um dos primeiros edifícios de Brasília. Este edifício ficou concluído em 1960.

Palácio do Planalto
- Supremo Tribunal Federal - é considerado uma das obras primas da cidade, o desenho das suas colunas resultam de uma derivação das colunas do Palácio da Alvorada, proporcionando uma variedade de perspectivas a ser exploradas pelos visitantes.

Supremo Tribunal Federal
- Congresso Nacional - é considerado o maior símbolo da cidade de Brasília, além de ser referido várias vezes como o ícone do próprio país.

Congresso Nacional
No passeio pela cidade podem ainda passar na Ponte JK, projectada por Alexandre Chan, esta obra recebeu a Medalha Gustav Lindenthal em 2003. Tendo sido eleita como a ponte mais bonita do mundo.

Ponte JK
Mas existem muitos outros espaços, nesta cidade, que vão para além da arquitectura e que merecem ser visitadas. Caso do Parque Nacional de Brasília é um parque urbano que surgiu da necessidade de se protegerem os rios capazes de fornecer água potável à cidade e ao mesmo tempo manter a vegetação no seu estado natural. Os seus princípios básicos são a preservação de ecossistemas naturais e o desenvolvimento de actividades educativas e interpretação ambiental e turismo ecológico. A principal atracção do Parque são as piscinas formadas a partir de poços de água.

Parque Nacional de Brasília
Pudemos ainda visitar o Parque Sarah Kubitschek, que é o maior parque urbano do mundo, com uma área de 42 milhões de metros quadrados. Foi fundado em 1978 e trata-se de um dos maiores centros de lazer da cidade, possuindo imensas atracções, nomeadamente lagos artificiais, espaços para prática de desporto, parque de diversões, centro hípico e pistas de patinagem e ciclismo.

Parque Sarah Kubitschek
Com o Mundial a decorrer pode-se ainda visitar o Estádio Nacional, estrutura que compõe o Complexo Polidesportivo Ayrton Senna, e que será palco do último jogo da fase de grupos de Portugal. Este estádio, com capacidade para 70 000 pessoas, será palco de sete jogos do Mundial.

Estádio Nacional

Brasília é então uma cidade onde se respira a fantástica obra de Niemeyer. Esta é uma cidade nascida para o futuro, cosmopolita e divertida. Espero que seja também o local onde a seleção será muito feliz.....

Espero que tenham gostado. E como não podia deixar de ser:

FORÇA PORTUGAL.....



quarta-feira, 25 de junho de 2014

Manaus

Manaus

Este artigo surge no seguimentos dos dois anteriores e pretende dar a conhecer um pouco da cidade onde se realizou o segundo jogo de Portugal, na fase de grupos, Manaus.

Manaus, localizada no estado do Amazonas, é uma cidade histórica e portuária e mundialmente conhecida, quer pelo seu potencial turístico, quer pelo ecoturismo.
Foi fundada em 1669 pelos portugueses, com a construção do Forte de São José da Barra do Rio Negro. Em 1848 foi elevada à categoria de cidade e o seu nome surge como homenagem aos Manaó, nação indígena. Com o tempo foi-se transformando numa cidade moderna com perfil europeu, em parte graças à riqueza obtida a partir do comércio internacional de borracha.

Manaus
Quem visita esta bonita cidade pode esperar por diversão, existem inúmeros locais a visitar e descobrir, especialmente para quem se quiser aventurar na selva.
Um dos principais pontos turísticos da cidade é o Teatro Amazonas, obra mais importante da época áurea do comércio da borracha. Foi inaugurado em 1896, e tornou-se o símbolo da cidade, é um imponente edifício com uma fachada rosa e uma cúpula composta por 36 mil telhas vitrificadas.

Teatro Amazonas
Outro local a visitar é o Mercado Adolpho Lisboa, construído em 1883 em frente ao Rio Negro. Com um estilo Art Noveau, é um dos mais importantes exemplares mundiais da arquitectura de ferro.

Mercado Adolpho Lisboa

Já o Palacete Provincial, é um dos mais importantes espaços culturais da região. Foi inaugurado em 1875, sendo uma das edificações mais antigas da cidade e abriga 5 museus: o Museu de Numismática, o Museu da Imagem e do Som do Amazonas, a Pinacoteca do Estado, o Museu Tiradentes e o Museu da Arqueologia.

Palacete Provincial
Tal como já referi anteriormente, o ecoturismo atrai milhares de turistas a Manaus. Entre as várias atracções encontramos:
 - O Encontro das Águas - fenómeno natural causado pelo encontro das águas barrentas do Rio Solimões com as águas escuras do Rio Negro;
Encontro das Águas
 - A Praia da Ponta Negra - praia fluvial às margens do rio Negro, localizada a 13 Km do Centro;
Praia da Ponta Negra
 - A Praia da Lua - praia com formato de lua em quarto crescente e uma vegetação de rara beleza natural com uma extensão de areia branca e banhada pelas águas negras do Rio Negro, límpidas;
 - A Cachoeira do Paricatuba - cachoeira formada por rochas sedimentares e cercada de vegetação abundante.
Cachoeira do Paricatuba
Como não podia deixar de ser, e para terminar, pudemos ainda visitar a Arena Amazónia, palco do segundo encontro de Portugal.
A Arena Amazónia, localiza-se no bairro Flores, tendo sido idealizado pelo arquitecto Ralf Amann e com o objectivo de privilegiar a floresta amazónica. Tem capacidade para 44 000 pessoas.

Arena Amazónia

Espero que tenham gostado. E como não podia deixar de ser:
FORÇA PORTUGAL, estarei sempre a apoiar-vos.....

;)













sábado, 14 de junho de 2014

Salvador

Salvador

Como estamos em época de Mundial e um dos meus sonhos é conhecer o Brasil, decidi fazer quatro pequenos artigos sobre os locais onde a seleção nacional irá estar. Já publiquei um artigo sobre a cidade de Campinas, local onde a seleção de Portugal está alojada. E decidi fazer um artigo por cada local onde a nossa equipa jogará. Hoje começarei pelo local do primeiro jogo de Portugal, Salvador.

Salvador, também conhecida pela Capital da Alegria, localiza-se no Estado da Bahia e é conhecida mundialmente pela sua gastronomia, música e arquitectura. Esta cidade cresceu sob a influência dos portugueses, africanos e indígenas, o que resultou na diversidade cultural patente nesta região. O Centro Histórico de Salvador, conhecido pela sua arquitectura colonial portuguesa, foi declarado Património Mundial pela UNESCO.

Salvador
Como alguém disse "A Bahia é indígena, negra, branca, mulata e mameluca. É católica, evangélica e, sobretudo, dos cultos e orixás. A Bahia é pop, é reggae, é rock e axé. É barroca, neoclássica e moderna. É sol e mar e sertão, cosmopolita e rural. É do rapel, mas também do golfe, do canyoning, da canoagem e do mergulho".

Aqui pude usufruir de um sem número de experiências culturais absolutamente inesquecíveis. Ao passear pelo Centro Histórico de Salvador pode visitar igrejas e casas coloniais com mais de 400 anos de história.

Um dos principais cartões-postais desta bonita cidade é o Pelourinho, praça que durante o tempo de escravidão servia de local onde eram castigados os escravos. Esta está cercada por inúmeras casas antigas, de estilo colonial, nomeadamente,  o Casarão da Fundação Jorge Amado, a Igreja do Rosário dos Homens Pretos e a Catedral Basílica.
Pelourinho
O Casarão da Fundação Jorge Amado é uma instituição com diversas actividades e núcleos de pesquisa sobre Jorge Amado, Zélia Gattai e a literatura baiana.

Casarão da Fundação Jorge Amado
A Igreja do Rosário dos Homens Pretos é uma igreja católica, construída no séc. XVIII. Por essa altura os escravos negros eram grandes devotos da Nossa Senhora do Rosário e criaram a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário, responsável pela edificação desta Igreja.

Igreja do Rosário dos Homens Pretos
Já a Catedral Basílica, é a igreja mãe de todas as igrejas de São Salvador da Bahia. Tendo sido em tempos a antiga capela do colégio dos jesuítas. É um dos monumentos barrocos mais importantes do Centro Histórico, com majestosas obras de arte.

Catedral Basílica
Outro dos locais a visitar é o Mercado Modelo, que foi erguido em 1861 e mantém até hoje a arquitectura neoclássica original. É constituído por 273 lojas que oferecem uma imensidão de artigos de artesanato, lembranças da Bahia e ainda os restaurantes tradicionais de comida baiana.

Mercado Modelo
Outra das experiências que se pode ver e sentir é o Sincretismo Baiano (para quem não sabe é a absorção de influências de um sistema de crenças por outro), aqui vê-se combinado o candomblé africano com os rituais cristãos. E a Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, erguida em 1754, é um marco do sincretismo religioso baiano, onde se pode observar os devotos a Nosso Senhor do Bonfim louvar os deuses africanos e cristão.

Igreja Nosso Senhor do Bonfim
A Capoeira é uma das actividades que quem por aqui passa pode e deve experimentar. Esta constitui-se numa forma de resistência cultural e física dos escravos brasileiros. Acredita-se que a sua origem foi em Salvador, no séc. XIX.

Capoeira
Ah e não se pode esquecer o principal para quem escolhe Salvador para passar férias: as praias. Estas são calmas, ideais para nadar, fazer vela, mergulho e pesca submarina. Há ainda praias cercadas por recifes, formando piscinas naturais de pedra.

Praias de Salvador
Para terminar apenas irei falar um pouco do Estádio que será palco do primeiro jogo de Portugal, o Arena Fonte Nova.  Este estádio tem capacidade para 50 000 pessoas, com uma estrutura vertical de 3 anéis, que permitirá ao público estar mais próximo do espectáculo.

Arena Fonte Nova
 Espero que tenham gostado e que este seja o 1º local deste mundial a ficar escrito na história do percurso da nossa seleção.....
FORÇA PORTUGAL....
;)


quinta-feira, 12 de junho de 2014

Quartel General de Portugal

Quartel General de Portugal

Com o Mundial a iniciar-se hoje, decidi fazer um artigo sobre a cidade que servirá de quartel general da nossa Seleção Nacional, no Mundial 2014, a bonita cidade de Campinas.


.
Campinas, localiza-se no estado de São Paulo, estando a cerca de 96 Km da mesma. Esta cidade foi fundada em 1774 e é actualmente a décima cidade mais rica do Brasil.
Cidade de Campinas
A cidade está repleta de atracções turísticas, históricas, culturais e científicas, existindo museus, parques e teatros.  

O Parque Portugal é uma das principais referências de Campinas, sendo a mais importante zona de lazer e o mais atractivo parque da cidade, e localiza-se no bairro de Taquaral. A principal atracção deste parque é a sua grande lagoa, mas há muito mais para ver, nomeadamente um parque infantil, o planetário, fazer um passeio de comboio e lanchar num dos bares à disposição. A entrada no parque é gratuita.

Parque Portugal
Outro local de lazer a visitar é o Bosque dos Jequitibás, pequeno bosque bem no centro da cidade. Possui um mini zoológico onde pudemos encontrar diversos tipos de animais selvagens e domesticados, um aquário com peixes de água doce e salgada e ainda o Museu de História Natural onde encontramos diversos animais empalhados e duas mil peças representantes do ecossistema.
Ainda dentro do Bosque encontramos o Teatro Carlito Maia, onde se realizam uma série de espectáculos infantis.
Bosque dos Jequitibás
Podemos ainda a visitar a Catedral Metropolitana, construída entre 1807 e 1883, que é conhecida por ter ficado pronta no interior, mas sem fachadas, devido a deslizamentos do terreno. É igualmente famosa pois a sua madeira trabalhada não é colorida, algo incomum nas igrejas brasileiras.  O Museu de Arte Sacra funciona dentro da igreja.

Catedral Metropolitana

Outra atracção encantadora é a Torre do Castelo, com 27 m de altura e de estilo art déco, foi construído entre 1936 e 1940, no bairro Jardim Chapadão. O seu mirante oferece-nos uma paisagem quase completa da cidade. A Torre passou por três reformas até atingir a aparência actual.

Torre do Castelo
Podemos ainda visitar o Museu da Imagem e do Som foi fundado em 1975 e mostra-nos a história social e cultural da região. Este museu divide-se em quatro áreas: fotografia, música, cinema e vídeo, todas elas com programas de acção para registar os factos ligados à vida cultural e histórica da cidade.

Museu da Imagem e do Som
O Mercadão é outros dos locais que merece ser visitado, tem mais de 100 anos de história e está aberto de segunda a sábado. Aqui pudemos encontrar um mundo de temperos e iguarias.

Mercadão
Para quem visita esta cidade, uma das coisas que não deve deixar de fazer é o percurso turístico de Maria-Fumaça que liga Campinas a Jaguariúna. Para tal, deve-se dirigir à Estação Anhumas, que é o ponto inicial do percurso. Este passeio é absolutamente inesquecível, o comboio segue até Jaguariúna, passando por diversas fazendas de café e por inúmeras estações que são autênticas obras de arte e que serviram de cenário a algumas novelas de época.

Maria-Fumaça



 Este é apenas um pequeno artigo dos locais que pudemos visitar nesta cidade. Desejo que esta bonita cidade sirva de inspiração aos nossos jogadores e que estes façam um excelente mundial.
Espero que tenham gostado......

FORÇA PORTUGAL!!!!!!!

:)


sexta-feira, 6 de junho de 2014

Urgente Visitar

Urgente Visitar

Este artigo surge no seguimento de uma lista lançada pela revista Times, com os 10 locais incríveis que teremos que visitar com urgência antes que desapareçam. Andei a investigar os locais e percebi que são lugares absolutamente fantásticos e especiais e que ao desaparecerem deixarão de facto o mundo bem mais pobre...
Espero um dia conseguir ir a tempo de os visitar a todos, pois dos 10 apenas conheço um. Descubram qual....


Grande Barreira de Coral, Austrália
A Grande Barreira de Coral, situa-se ao longo da costa oriental da Austrália e é o maior recife de coral do mundo inteiro, podendo ser vista do espaço. Esta barreira possui mais de 2000 Km de extensão. Encontrando-se em constante crescimento e servindo de abrigo a um enorme leque de animais e vegetação subaquática, o que proporciona manutenção de uma verdadeira floresta submarina. Em 1981 foi eleita como Património Mundial da Humanidade
Este conjunto de recifes, pode estar em risco devido ao aumento da temperatura média dos oceanos, à poluição e a acidificação dos mares e ao intenso tráfego marítimo.

Grande Barreira de Coral
Veneza, Itália
Veneza foi totalmente construída sobre a água e conseguiu sobreviver sem carros até ao século XXI. Possui alamedas estreitas e canais que passam entre palácios sumptuosos e igrejas fantásticas, mercados de bairro cheios de vida e águas tranquilas.
Contudo, o nível das águas na cidade dos canais tem subido 2 mm por ano, levando a cidade a afundar-se. As cheias têm sido cada vez mais severas e a longo prazo esta bonita cidade pode desaparecer. Para controlar a subida do nível das águas está em construção um sistema de diques.

Veneza


Mar Morto
O Mar Morto é uma lago, localizado no vale do Rio Jordão. Possui uma grande quantidade de sal, levando a que haja uma escassez de vida nas suas águas, existindo apenas alguns tipos de arqueobactérias e algas.
Nos últimos 40 anos, a dimensão do Mar Morto reduziu-se em um terço e prevê-se que possa desaparecer nos próximos 50 anos, devido à intensa exploração das águas do rio Jordão, a sua única fonte de alimentação.

Mar Morto


Parque Nacional Glacier, EUA
O Parque Nacional Glacier, localiza-se no Montana, e nele podemos encontrar duas cadeias montanhosas, mais de 130 lagos, mais de 1000 espécies de plantas e centenas de espécies animais.
Já teve mais de 150 glaciares mas já não passam de 25. As mudanças climáticas podem levar ao degelo dos que restam até 2030, o que provocaria enormes alterações no ecossistema e na paisagem

Parque Nacional Glacier

Maldivas
As Maldivas, são um pequeno país insular, situado perto do Sri Lanka e da Índia, no continente asiático. É composto por 1102 ilhas. É o país menos populoso da Ásia e o menos populoso de entre os países muçulmanos.
Aqui encontram-se situadas algumas das mais belas praias do mundo, com areia branca, água cristalina, lagoas e golfinhos maravilhosos.
Este arquipélago do Índico é o país com a mais baixa altitude do mundo, estando o ponto mais elevado a 2,3m do nível do mar. Devido à subida das águas do mar este corre o risco de desaparecer. O Governo estabeleceu um fundo para comprar terra no Sri Lanka ou na Austrália, para servir de refúgio aos seus habitantes

Maldivas
Seychelles
Sheychelles é um arquipélago no Oceano Índico, localizado a noroeste de Madagáscar. O número de ilhas do arquipélago é de 155, estando divididas em grupos.
A praia caracteriza-se por possuir águas azuis turquesa e areia branca brilhante que contrasta com um fundo de pedras de granito majestoso. É perfeita para mergulhar, nas suas águas azul-turquesa, encontrando-se protegida das ondas do oceano por um recife.
Este é mais um arquipélago no Oceano Índico que corre o risco de desaparecer, a longo prazo, devido à subida do nível das águas do mar.

Seychelles
Alpes
Os Alpes são um grande sistema de Cordilheiras da Europa, a cordilheira principal segue a divisória do Mar Mediterrâneo até aos bosques de Viena, passando pelos pontos mais elevados deste sistema de montanhas.
A mais famosa cadeia montanhosa da Europa é um dos principais destinos turísticos e também origem de mais de quarenta por cento da água doce do Velho Continente. Os padrões de precipitação estão a mudar e os glaciares dos Alpes perderam cerca de dois terços do seu volume, desde 1850.

Alpes

Ilhas da Madalena, Quebeque
As ilhas Madalena, situadas no Oceano Atlântico, são um importante santuário para a vida selvagem. A economia deste arquipélago centra-se na exploração dos recursos naturais, floresta e pesca.
Neste arquipélago, situado no golfe de São Lourenço, as ilhas estão sujeitas a fortes ventos e as praias e falésias de arenito têm perdido 40 cm por ano, devido à erosão.

Ilhas da Madalena


Alasca, EUA
O Alasca,é uma península, sendo um dos estados dos EUA. Esta é uma região com grandes reservas de recursos naturais.
A tundra é uma das imagens de marca do mais inóspito estado americano. Mas o aquecimento global - a par da exploração desenfreada de petróleo e gás - ameaça gravamente o equilíbrio deste ecossistema devido ao degelo do permafrost - solo da região ártica, em que a terra, as rochas e o gelo formam uma camada permanente.

Alasca

Glaciar Athabasca, Canadá
O Glaciar Athabasca é um dos principais braços do campo de gelo da Columbia. Tem aproximadamente 6 Km de comprimento. Actualmente é o glaciar mais avistado da América do Norte.
Nos últimos 125 anos a ponta sul do glaciar recuou mais de 1,6 Km. O ritmo do degelo tem acelerado e o cientista estimam que a massa de gelo recue, actualmente, entre 2 a 3 m por ano.

Glaciar Athabasca
 Espero que tenham gostado e que possam brevemente conhecer estes locais absolutamente maravilhosos.
Se já o fizeram ou quando o fizerem comentem e dêem dicas dos locais.

:)